terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Fim de um ciclo: festival do Ano Novo Chinês não será realizado em 2018

(Imagem: Reprodução/Facebook)

O rol de eventos orientais de São Paulo terá um desfalque imensurável em 2018. A organização da festa do Ano Novo Chinês anunciou, por meio da página oficial do evento no Facebook, que o festival não será realizado no ano que vem.
As razões para a não-realização do evento não foram divulgadas - a nota apenas diz que os organizadores estão "em busca de novos propósitos".



O Ano Novo Chinês atraía uma multidão ao bairro da Liberdade; evento
era o maior expoente da cultura chinesa no Brasil (foto: Daniel Ramos)


O festival do Ano Novo Chinês era realizado desde 2006 no bairro da Liberdade, sempre no início de cada ano, entre o final de janeiro e o início de fevereiro.
O objetivo deste evento era divulgar a cultura e as tradições chinesas - o Ano Novo Chinês da Liberdade era considerado como o maior festival realizado pela comunidade chinesa no Brasil.

Leia, a seguir, a íntegra da nota divulgada na página do Ano Novo Chinês no Facebook:

"Prezados parceiros, apoiadores, patrocinadores e todos que participaram da festa do Ano Novo Chinês.

O projeto do Ano Novo Chinês começou em 2006, e teve como objetivo principal divulgar a cultura chinesa no Brasil.

Apesar dos obstáculos e desafios enfrentados, com muita dedicação, amor e perseverança, fechou-se um ciclo de 12 animais do zodíaco chinês e acreditamos que este objetivo foi alcançado.

Nos deixa de coração apertado não continuar mais com o evento, mas individualmente e como grupo, estamos em busca de novos propósitos.

Portanto, em nome da organização, comunicamos que não realizaremos a Festa do Ano Novo Chinês no ano de 2018."

Apresentação de dança do leão durante a última edição da festa,
realizada em janeiro deste ano (foto: Daniel Ramos)

Me surpreende e me entristece muito saber desta notícia. O festival do Ano Novo Chinês era uma das minhas celebrações favoritas, e sempre tinha apresentações belíssimas e fantásticas, além de ser uma verdadeira viagem pela cultura chinesa - ficaria enumerando apresentações memoráveis durante este post inteiro, mas ele ficaria extenso demais.
Enfim... tudo o que posso dizer é que estou com o coração partido, não só pelo evento em si, como pelos amigos que fiz em todas as edições que participei e fotografei.
É uma lacuna que dificilmente será preenchida - não apenas pra mim, mas com certeza, a cidade de São Paulo perde um grande e maravilhoso evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário